quinta-feira, 4 de julho de 2013

Dionaea muscipula, a Vênus Papa-Moscas

  • Ela é uma das plantas carnívoras mais conhecidas. Serviu de inspiração para a criação da personagem Audrey II, a planta carnívora assassina do musical "A Pequena Loja dos Horrores" ("Little Shop of Horrors"), um filme produzido em 1986: é a espécie Dionaea muscipula.



    Nos Estados Unidos a planta recebeu o curioso nome de Venus Flytrap (armadilha para moscas Vênus). "Armadilha para Moscas" é brm óbvio, mas de onde surgiu o 'Vênus' ? De acordo com a Sociedade Internacional de Plantas Carnívoras, a dionéia foi estudada pela primeira vez nos séculos XVII e XVIII, quando a moral da sociedade era mais puritana do que é atualmente e era um tanto obcecada pelos impulsos e pecados humanos. As mulheres, em particular, eram freqüentemente retratadas como sedutoras e ávidas pelo poder. Aparentemente, os botânicos dessa época encontraram um paralelo entre a armadilha da planta - que captura e digere insetos - com certos aspectos da anatomia e comportamento das mulheres. Dessa forma, conta a história que a planta teria recebido o nome de Vênus, a deusa pagã do amor e do dinheiro.

    Que dieta! A Dionaea muscipula pode viver até 20 anos!

    Planta herbácea, a Dionéia é nativa das regiões pantanosas do sudeste dos Estados Unidos. Trata-se de uma planta pequena, atinge de 10 cm a 15 de altura, que produz folhas dispostas em roseta. Suas folhas apresentam um formato peculiar de armadilha - divida em dois lóbulos, como uma mandíbula com 15 a 20 longas estruturas em forma “dentes” nas bordas. O pecíolo apresenta formato achatado, de cor verde e tem a função de sustentar a mandíbula e fazer a  fotossíntese.
    Na parte interna da armadilha, de coloração vermelha, a planta produz néctar para atrair os insetos. É ali que também ficam os pêlos sensitivos, cuja importante missão é detectar a presença do inseto possibilitando a ação da armadilha: em uma fração de segundos a armadilha se fecha e o inseto aprisionado começa a ser digerido lentamente. A estrutura é tão complexa que é necessário que pelo menos dois pêlos sensitivos sejam acionados sucessivamente em um curto espaço de tempo para que a armadilha funcione. Existe uma razão essencial para a existência deste mecanismo: ele evita que a planta gaste energia com o fechamento da armadilha à toa, como com uma gota de chuva, por exemplo.
    Depois que a armadilha se fecha, em seu interior, glândulas especiais  começam a produzir enzimas digestivas. Terminada a digestão da presa, a armadilha lentamente vai abrindo, sendo possível visualizar alguns restos do banquete. A digestão dura cerca de 10 dias. Este processo pode acontecer cerca de 3 vezes com cada armadilha. Depois disso, elas são substituídas por novas folhas.
    A floração da planta acontece na primavera, quando surgem pequenas e delicadas flores brancas.
    A dionéia deve ser cultivada sob bastante luminosidade, em substrato preparado à base de musgo esfagno, turfa e perlita, levemente ácido e mantido constantemente úmido. Não é recomendado o cultivo em terra e nem é necessário fazer adubações, pois há o risco de intoxicar a planta. Além disso, resista à tentação de alimentá-la: jamais coloque pedacinhos de carne ou insetos mortos, deixe que ela mesmo capture suas presas. Alguns especialistas indicam que é possível dar uma forcinha para a dionéia colocando perto dela uma banana ou pedacinho de maçã para atrair mosquinhas. Mas sem neurose se ela não caçar nada, pois ela não depende apenas disso para viver.
    A água das regas deve ser livre de cloro - para eliminá-lo basta deixar a água em descanso por 48 horas. Outra opção é usar água mineral ou da chuva. As dionéias são capazes de tolerar encharcamentos, mas detestam secas. Outro detalhe importante: evite ficar brincando com as armadilhas, fazendo-as fechar à toa pois, como já foi dito lá em cima, a planta gasta muita energia para abrir e fechar a armadilha. 

    Detalhes

    Objetos inanimados como pedrasgalhos e folhas que caiam na armadilha ou objetos que sejam colocados lá de propósito (enfiar um lápis ou palito dentro da armadilha só para vê-la fechar !!), não se movimentarão, logo não dispararão os pêlos sensitivos. Se não houver estímulo adicional do pêlo, a armadilha permanece em seu estado parcialmente fechado até que a tensão possa ser restabelecida nas folhas da armadilha. Esse processo demora cerca de 12 horas, ao final das quais as folhas voltam a se abrir. O objeto não desejado cai assim que a folha reabre ou é retirado da armadilha pelo vento.


  • FICHA DA PLANTA
  • Nome Científico: Dionaea muscipula
  • Nomes Populares: Dionéia, Dionea, Vênus-papa-moscas, Vênus-caça-moscas
  • Família: Droseraceae
  • Categoria: Plantas Carnívoras
  • Clima: Mediterrâneo, Subtropical, Temperado, Tropical
  • Origem: América do Norte, Estados Unidos
  • Altura: até 10 a 15 cm
  • Luminosidade: alta
  • Ciclo de Vida: Perene

Saiba Mais:

A imagem de plantas carnívoras assassinas e comedoras de humanos está muito longe da realidade. Na verdade são elas quem devem temer os homens - por apresentarem risco real para a continuação da existência tanto da Dionaea muscipula como de outras plantas carnívoras. Elas estão ameaçadas de extinção na natureza em razão de:
  • coleta excessiva pelos apreciadores das plantas
  • drenagem e destruição dos pantanais onde elas crescem
  • poluição
Em virtude disso, nos EUA, especialmente na Carolina do Norte e do Sul, existem pesadas multas para quem retira Dionéias de seus habitats nativos. Mas você pode cultivar suas próprias plantas carnívoras com o Kit Completo da www.lojadojardim.com

3 comentários:

  1. Olá, tenho uma dioneia e, lendo a respeito, descobri que no inverno ela tem um período de hibernação. Eu moro em Salvador, então o inverno aqui não existe de verdade. Gostaria de saber o que devo fazer nos meses correspondentes. Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, eu acabei de comprar uma e estava lendo sobre isso. Vi gente recomendando por ela na geladeira mesmo, pra simular um inverno. Mas assim ela ficaria sem luz né. Eu tô pensando em deixar ela perto da janela durante o dia e na geladeira a noite. Porque se ela tiver esse tempo de hibernação, vive muito mais. Também a água durante o inverno tem que ser menos. Recomendaram esperar o pratinho secar antes de trocar a água e manter a terra só levemente úmida. Espero ter ajudado; )

      Excluir